quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Dupla transmissão da parceria Transamérica/Record

Não foi possível comprovar ligando o rádio, mas os relatos lidos em sites que cobrem rádio informam que o amistoso entre Corinthians e Huracán foi transmitido por equipes diferentes na dobradinha Transamérica/Record, comandada por Éder Luiz. Na primeira, o comando ficou a cargo de Antonio Edson. Enquanto isso, Oswaldo Maciel era o responsável pelo comando da segunda. Talvez seja cedo para falar, mas acho que a idéia é se adaptar à linguagem de cada frequência (FM e AM).

13 comentários:

Marco Ribeiro disse...

Adaptar a linguagem? O que é que se entende por linguagem? É apenas o modo de "dizê"? Se a gente considerar o verdadeiro sentido do termo, não há realmente com o que se preocupar. Não se inovou absolutamente nada em termos de linguagem quando começaram a transmitir partidas de futebol pelo FM. Hoje a linguagem das FMs foi "amizada", como dizem alguns. Não há mais tantas diferenças entre a "linguagem" de uma ou de outra faixa. Ainda mais a Transamérica que possui 3 programações simultâneas. Penso que a audiência da Transamérica não seja tão grande, segundo as pesquisas, por talvez não estar falando para o público certo. No entanto se o faturamento é mais importante que o conteúdo, talvez seja o caminho certo, né?

Rodney Brocanelli disse...

Se você conhece bem as transmissões da Transamérica poderá perceber que eles são dados a fazer muitas piadinhas de duplo sentido. Ontem, inclusive, eles fizeram uma com um repórter que anunciou que ia chover. Outro detalhe: não sei como eles fariam com relação ao personagem Gavião, que é responsável pela parte de humor, também de duplo sentido. Talvez a mantenedora da Record (a IURD) possa não gostar de ouvir esse tipo de coisa.

Marco Ribeiro disse...

Só porque tem uma pessoa que fica contando piadas durante a transmissão, não significa que a linguagem seja diferente. Tirando esse tal de Gavião, o resto é rigorosamente igual. A linguagem é absolutamente semelhante às demais emissoras, sem tirar nem por. A diferença é que a Jovem Pan da ESPN/Eldorado, a Bandeirantes e até a CBN possuem um conteúdo muito melhor porque tem um viés jornalístico, priorizam a informação precisa, diferentemente das outras emissoras, que tendem a tratar futebol - e outras atrações - como puro entretenimento. Mas isso acaba transcendendo ao futebol e chega à questão da qualidade da programação de cada emissora. Mas isso é outra discussão, creio eu.

Rodney Brocanelli disse...

Marco, dá uma escutada nesses aúdios quando possível:

http://www.marciobernardes.com.br/index.php?page=noticias/index&nts=33778&area=audio_dicagaviao

Marco Ribeiro disse...

Ouvi esse link e daí?

Rodney Brocanelli disse...

Será que o bispo vai gostar de ouvir isso aí na sua rádio?

Anônimo disse...

OUVI A RECORD ONTEM E GOSTEI MUITO DO OSVALDO MACIEL,SÓ ACHEI QUE O PAULO ROBERTO COMENTOU MEIO SEM VONTADE,PARECIA QUE ESTAVA COM O FREIO DE MÃO PUXADO,AH OUTRA COISA O PLANTÃO ESPORTIVO É MUITO FRACO ,HORRÍVEL, E O REPORTER DE-MENESES TEM UMA VOZ DE TAQUARA RACHADA...E O JORGE VINICIUS...TOMOU DORIL...TB NÃO FAZ FALTA NENHUMA,ELE É MUITO RUIMMMMMMMMM.

Marco Ribeiro disse...

Meu caro anônimo,

Se você acha que a programação esportiva da Recordé tão ruim, peço para que se identifique. Do contrário este blog se reserva no direito de excluir este comentário porque é muito fácil falar mal de alguém e não se identificar. Quero ver é fazer como fazem os editores e leitorees desse blog, que não se escondem no "escuro" da web para dar sua opinião.

CARLOS DE QUEIROZ disse...

Parabéns pelo blog! Gosto muito de rádio. Inclusive fiz locução e apresentei alguns programas.
www.tribunadorio.blogspot.com

Anônimo disse...

Esse negócio de linguagem e pura balela, a narraçao tem que ser boa no AM ou no FM e ponto final. Por favor divulge a audiencia das FMs nas tranmissões esportivas. Forte abraço.

Henrique Sampaio
São João dos Patos -MA

Anônimo disse...

Concordo contigo em parte contigo, Henrique. Hoje a segmentação parece ser desculpa para mediocridade. R a´dio é para o povão? Vamos colocar o que há de pior da música brasileira para o povão ouvir, com muito jabá e armação. Segundo esses anti-profissionais é isso que o seu público quer ouvir. Para que ficar tocando música brasileira de qualidade, samba de qualidade, música sertaneja de qualidade, música nordestina de qualidade, não é mesmo? Para que o povão aprenda a ter senso crítico, melhorar o seu gosto artístico e exigir mais desses picaretas?

Para que fazer uma rádio adulta contemporânea com músicas de qualidade, se é mais fácil pegar os grandes hits "rest sellers" das décadas anteriores eda atualidade? É tudo velho mesmo. Para que colocar rock de qualidade, se é mais fácil copiar uma rádio estrangeira e ficar tocando Classic Rock, com aquelas músicas que nem uma criança de 9 anos aguenta mais ouvir?

para que fazer uma programação dedicada ao esporte diversificada - tal como faziam a Eldorado e 97 FM muito tmepo atrás - se a gente pode pegar meia dúzia de "boleiros", umas linhas telefônicas, comprar uma mesa redonda e ficar falando de futebol, futebol e mais futebol
e repetir o que já dizem os verdadeiros especialistas no assunto? Pelo menos nesse caso, a gente sabe que dá dinheiro, né? Só que o rádio, ao contrário de outros meios de comunicação, é uma concessão do estado. E a simples busca pelo faturamento não justifica uma empresa explorar tal permissão que é dada pelo povo, não é mesmo?

Marco Antonio Ribeiro

Anônimo disse...

Ao contrário do que o anônimo escreveu sobre a transmissão do jogo Corinthians e Huracan, aconteceu no domingo. Ouví Santos e Rio Branco. O Maciel parecia estar irradiando pela televisão. E o gols muito mal narrados. O quarto gol do peixe ele inclusive tava brincando e perdeu o lance. Exceto o Éder Luiz a Transamérica está na hora de contratar bons locutores. Aliás, e que fim levou o Edemar Anuzek que é melhor do que todos os que estão lá. Ele não está mais na Record?

Carlos José Dantas Sobrinho
Vila Mariana - São Paulo

Anônimo disse...

ESTE ANONIMO TEM QUE FICAR NO ANONIMATO MESMO, POR FAVOR NÃO SE IDENTIFIQUE...SERÁ QUE ENTENDE DE RÁDIO MESMO???? ALIÁS TEM GOSTO PARA TUDO. POIS PRA MIM A RECORD FECHOU UM BELO CONTRATO DE INCOMPETENCIA - SEUS DIRETORES ARTISTICO, DE ESPORTES E GERAL - VAO RETRANSMITIR A FM TRANSAMERICA.. MACIEL LENTO, PERDENDO GOLS, ANTONIO EDSON HORRIVEL, SÓ SE SALVA O ÉDER.
E AÍ EU SOU MUITO MAIS O JORGE VINICIUS, O DIRCEU MARAVILHA, O VANDERLEI RIBEIRO DO QUE OUTROS. ALIÁS ONDE ELES ESTÃO??? SERÁ QUE FORAM SACANEADOS PELOS BISPOS???ALIÁS,TAMBÉM, ANONIMO, OUÇA A VOZ DO BRASIL E CONTINUE ESCONDIDO.
TRISTE FIM DESTA HISTÓRICA RÁDIO RECORD, JOGARAM NO LIXO.

ANTONIO CELSO RUIS
SAO BERNARDO DO CAMPO - SP