Líder da Igreja Deus é Amor morre de infarto aos 79 anos


O líder da Igreja Pentecostal Deus é Amor Davi Miranda, uma das igrejas evangélicas neopentecostais mais antigas do país, morreu na noite de sábado, aos 79 anos, vítima de infarto enquanto dormia, em São Paulo. Miranda fundou aquela denominação religiosa em 1962. Segundo dados do IBGE, a igreja Deus e Amor possuía cerca de 900 mil fiéis e mais de mil templos espalhados pelo Brasil e pelo exterior, sobretudo em países da América do Sul. 

Davi Miranda também possuía diversas emissoras de rádio espalhadas pelo Brasil, sendo que três emissoras AM funcionavam em rede na capital paulista. O líder religioso foi o pioneiro no uso do rádio para a evangelização por parte dos cristãos evangélicos neopentecostais. Entretanto, diferentemente de outras denominações semelhantes, a Igreja Pentecostal Deus é Amor não possui programas ou emissoras de tv.  

Segundo a página oficial da "Deus é Amor", o corpo está sendo velado na sede da igreja, no bairro do Glicério, em São Paulo. A data do enterro ainda não foi divulgada.

Comentários