quarta-feira, 25 de fevereiro de 2009

Polícia Federal fecha Rádio Muda em Campinas

Da RádioCamp

A Polícia Federal, em uma ação estranha, tomou todos os equipamentos da Rádio Livre Muda na madrugada do dia 19 de fevereiro na Unicamp-SP.

Participaram da ação doze policiais federais, 2 chaveiros e 1 delegado, que arrombaram a porta e levaram os equipamentos do patrimônio imaterial que há 18 anos proporciona comunicação livre para a cidade de Campinas.

O mais estranho de tudo foi que a ação não contou com a presença da Anatel e também pelo fato de terem levado os equipamentos, quando o recomendado é apenas lacrar.

O próprio mandado assinado pela juíza Fernanda Soraia Pacheco Costa consta que a ação deveria ser feita juntamente com técnicos da Anatel. O processo é de 2006, o mandado foi assinado redigido no dia 21 de Junho de 2007 e certificado no dia 09 de Fevereiro de 2009.

São mais de 40 programas veiculados de domingo a domingo com programação diversa onde qualquer pessoa tem seu espaço para expressa seu pensamento através de músicas, textos, falas, poesia, zumbidos, silêncio e o que aparecer na programação.

A rádio não tolera publicidade e se organiza com base nas discussões e atitudes dos indivíduos. Isso irrita alguns setores de comunicação hegemônicos de concessões comerciais de rádio, que não transmitem nada do que deveriam, emburrecendo a população com a mesmice de suas programações.

A reitoria da Unicamp manifestou apoio à Rádio Muda assim como inúmeras rádios livres e comunitárias de todo mundo.

Apesar da ignorância e falta de respeito a Muda deve continuar a manter vivo o movimento de Rádios Livres que vê neste acontecimento motivo para se fortalecer ainda mais e manter a comunicação livre por todo lugar. Procure- nos em uma freqüência da sua cidade.

Fonte: Mídia Independente target="_blank"



-------------------------------------------------------

Engraçado. Se a Unicamp manifestou apoio a Rádio Muda porque nunca brigou, na condição de instituição de ensino, para que a universidade tivesse uma concessão ou permissão para que seus alunos montassem uma rádio comunitária? Afinal estamos falando da lendária Rádio Muda que, apesar de operar ilegalmente, não servia de palanque eletrônico, não era um altar eletrônico, nem servia para outros tipos de fins. Seu intuito era puramente cultural. Fica aqui a sugestão para que eles montem uma webradio. Afinal, não importa a plataforma, o importante é fazer rádio de qualidade.

Não me venham com esta conversa de que internet é acessado por poucos, que a grande massa não tem computador em casa. Isso já é passado. Cresce cada vez mais o número de internautas sem computador, que acessam a web por lanhouses a 2 reais - ou menos - por hora. E em breve, que o diabo seja surdo. Poderemos ouvir rádios online, podcasts e webradios em tempo real pelo celular.

3 comentários:

Anônimo disse...

Repeteco? http://radiobaseurgente.blogspot.com/2009/02/policia-federal-fecha-radio-muda-fm.html

Marco Ribeiro disse...

Eu repeti esta notícia para ter certeza de que vocês leriam.

Marcos Lauro disse...

hahahahaahaahahaah

Boa, Marcão!